livraria on-line

bibliographias@gmail.com / 934476529

.

.

9 de junho de 2017

Eça de Queirós ― O Conde d'Abranhos

O Conde d’Abranhos: notas biographicas por Z. Zagallo e A Catastrophe

Porto, Livraria Chardron, 1925. In-8º de XXXI, [I], 290 págs. Enc.

Primeira edição, com a reprodução hors-texte de um retrato de Eça por António Carneiro e uma introdução intitulada “Dous Manuscriptos a Lapis”, assinada por José Maria de Eça de Queirós, filho homónimo do escritor. Os “Dous Manuscriptos” são os dois títulos aqui reunidos em publicação póstuma, sabendo-se ter sido O Conde d’Abranhos burilado e retocado, para o efeito, por José Maria, pretendendo atenuar “o seu excesso critico, o seu exagero caricatural” e torná-lo, apesar de tudo, mais brando. Acompanha a introdução o fac-simile de uma carta enviada por Eça a Ernesto Chardron com a apresentação e o resumo do livro.
 
Exemplar encadernado com lombada e cantos em percalina. Não conserva a capa de publicação e apresenta assinatura de propriedade. De resto, bem conservado. 

35€